Você está aqui: Página Inicial > Composição > Corregedoria Regional > Atos SGP > 2013 > Ato TRT GP nº 236/2013

Ato TRT GP nº 236/2013

Ações do documento

última modificação 25/05/2017 12h16
Antecipa o encerramento do expediente nas unidades administrativas e judiciárias deste Regional localizadas na Capital do Estado no dia 20 de junho de 2013
 

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO - 13ª REGIÃO PARAÍBA

DOC: ATO NUM: 236 ANO: 2013 DATA: 20-06-2013

DISPONIBILIZADO: DEJT DATA: 20-06-2013

 

 

ATO TRT GP Nº 236/2013

 

João Pessoa, 20 de junho de 2013

 

O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA DÉCIMA TERCEIRA REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

 

CONSIDERANDO a mobilização pública anunciada pela redes sociais na internet, programada para o dia de hoje, nas imediações do Edifício-Sede e do Fórum Trabalhista desta Capital;

 

CONSIDERANDO, ainda, a necessidade de se facilitar o trânsito dos cidadãos que vierem a tomar parte no evento;

 

CONSIDERANDO o ofício constante do Protocolo n.º 000-014678/2013, enviado à Presidência da Corte após a assinatura do ATO TRT GP Nº 230/2013,

 

R E S O L V E:

 

I - Antecipar o encerramento do expediente nas unidades administrativas e judiciárias deste Regional localizadas na Capital do Estado, no dia 20 de junho de 2013, para as 14h00.

 

II - Prorrogar, para o primeiro dia útil seguinte, o vencimento dos prazos processuais dos feitos em tramitação naquelas unidades, cujo término ocorreria no dia 20 de junho de 2013, em conformidade com o art. 184 do CPC.

 

III - Recomendar aos Senhores Magistrados e Servidores que façam uso do transporte público, na data hoje, para a ida e vinda ao trabalho.

 

IV - Determinar que a Secretaria-Geral da Presidência dê ampla divulgação ao presente Ato, inclusive na página oficial desta Corte na Internet, comunicando, ainda, à Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional da Paraíba e à Procuradoria Regional do Trabalho da 13ª Região.

 

V - Revogar o ATO TRT GP Nº 230/2013.

 

Dê-se ciência.

Publique-se.

 

CARLOS COELHO DE MIRANDA FREIRE

Desembargador Presidente