Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2021 > 04 > TRT-13 entrega quase 2 mil máscaras para instituições que atendem crianças e adolescentes na PB

Notícias

TRT-13 entrega quase 2 mil máscaras para instituições que atendem crianças e adolescentes na PB

Ação foi desenvolvida pelo Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem

Ações do documento

publicado: 19/04/2021 16h06 última modificação: 19/04/2021 16h06

O Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região entregou quase 2 mil máscaras para instituições ligadas ao Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Trabalhador Adolescente na Paraíba – Fepeti. A ação foi desenvolvida pelo Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem do TRT-13 e teve como objetivo proporcionar às instituições inscritas no Fórum uma ajuda importante, no sentido de proteger as crianças e adolescentes contra o vírus que está causando tantas mortes.

O Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem tem como gestores regionais o desembargador Wolney de Macedo Cordeiro e o juiz Adriano Mesquita Dantas. As instituições que foram beneficiadas, desde o dia 24 de março, receberam o número correspondente às crianças que assistem.

Para o coordenador da Comissão de Apoio aos Gestores, Wilson Quirino, esta ação foi muito importante por “atender essas instituições justamente num período de tantas incertezas e muitas necessidades, pois o atendimento a estas crianças e adolescentes não pode parar, mesmo em meio à pandemia”.

As instituições atendidas foram: Projeto Beira da Linha, Aldeias SOS, MAC – Movimento de Adolescentes e Crianças, Evot, Cicovi, Casa Pequeno Davi, Levante Popular da Juventude, Essor, ACNV e Talita (AMEC).

O desembargador Wolney de Macedo Cordeiro ressaltou a importância do projeto e disse que “A iniciativa do nosso TRT, por intermédio do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem, revela uma acentuada preocupação com a preservação da vida e da saúde enquanto instrumento de plenitude da cidadania”.

Débora Cristina

Assessoria de Comunicação Social TRT-13