Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2010 > 03 > Mega leilão envolve quatro cidades e oferece até propriedades rurais

Mega leilão envolve quatro cidades e oferece até propriedades rurais

Ações do documento

publicado: 17/03/2010 10h24 última modificação: 30/09/2016 10h17

O Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba está realizando, pela primeira vez, um leilão simultâneo em quatro municípios paraibanos. Em João Pessoa teve início ontem (terça) e vai até quinta, dia 18, em Campina Grande, nesta quarta, dia 17 e quinta, 18, em Cajazeiras, nesta quarta, 17 e em Patos, até quinta, dia 18. O Projeto Arrematar vai acontecer de forma presencial e também através da internet.





Ao todo estão sendo oferecidos bens de 265 processos, sendo 137 de João Pessoa, 101 de Campina Grande, 23 de Patos e 4 de Cajazeiras. Em João Pessoa o leilão vai acontecer no auditório do Fórum Trabalhista Maximiano Figueiredo.

Os candidatos a arrematantes via internet devem se cadastrar antecipadamente para participação on-line. O cadastro para os internautas deve ser feito no endereço eletrônico www.projetoarrematar.com.br. Na página estão as orientações para o cadastro que é feito para pessoas jurídicas e físicas e ainda os editais com todos os bens. Em seguida o candidato a arrematante deverá ir a Central de Mandados comprovar a documentação. Qualquer pessoa pode participar, exceto os servidores da Justiça Trabalhista.

Quem preferir participar presencialmente pode fazer o cadastro, munido dos documentos pessoais, no dia do leilão. Estão sendo oferecidos para arrematação bens móveis, imóveis, eletrônicos, entre outros objetos que estão penhorados para o pagamento de dívidas trabalhistas. Os editais já estão disponibilizados na internet através do endereço www.trt13.jus.br/projetoarrematar ou www.projetoarrematar.com.br.


Bens atraentes - Em João Pessoa, entre os bens oferecidos no leilão do Projeto Arrematar está uma casa na avenida São Paulo, no Bairro dos Estados, contendo quatro quartos sendo um suíte, sala e copa conjugadas, cozinha, terreno próprio, medindo 24m de largura por 28 de comprimento, avaliada em R$ 165 mil, com lance inicial no leilão de R$ 66 mil.

Apartamento no edifício residencial El Shadai, nº 901, situado na rua Valdemar Chianca, 380, no Bessa, contendo, no duplex inferior, sala de estar com varanda, sala de jantar, cozinha, despesa, um quarto social, banheiro, hall, uma suíte com varanda, jardineira, área de serviço. No duplex superior sala de estar, uma suíte com varanda, sauna, piscina e banheiro social. São três vagas na garagem, área privativa real de 363,35 m². O imóvel foi avaliado em R$ 500 mil reais sendo o lance mínimo de R$ 200 mil.

Um banco de exercícios com base de ferro e conjunto de pesos de até 36 quilos em bom estado de uso avaliado em R$ 800,00, uma estação de trabalho marca Atlhetica, para trinta tipos de exercícios, incluindo bicicleta e steep, avaliada em R$ 2.500,00, um gabinete odontológico completo composto de uma cadeira, sugador e canetas, refletor e mocho, em regular estado de uso avaliada em R$ 2 mil, sendo este lote completo avaliado em R$ 5 mil e trezentos reais, e no leilão com lance mínimo de R$ 1 mil e sessenta reais.

O leilão do TRT em João Pessoa também oferece o prédio onde funciona atualmente a oficina mecânica Irmãos Monteiro, estilo galpão, no bairro do Róger, com cerca de 30 metros de frente e 65 de fundos, totalizando aproximadamente 1.870 metros quadrados, avaliado por R$ 520 mil e quatrocentos reais, sendo o lance mínimo pedido no leilão a partir de R$ 208 mil e sessenta reais. Prédio industrial onde atualmente encontra-se instalada a empresa Copobrás Nordeste Ltda, no município do Conde, contendo cinco galpões de alvenaria contendo parque fabril, área administrativa, refeitório, oficina, vestuário, estacionamento e banheiros, avaliado em R$ 9 milhões cento e setenta e um mil, com lance inicial no valor de R$ 3 milhões, seiscentos e sessenta e nove reais.


Bens que vão a leilão em Campina Grande

Em Campina Grande, o edital oferece uma casa situada na rua Miguel Couto, 314, medindo 12 metros e dividida em três estabelecimentos comerciais, avaliada em R$ 300 mil reais e tendo lance inicial de R$ 120 mil. Uma outra casa está sendo ofertada , localizada na avenida Aprígio Veloso, nº 1.468, no bairro de Bodocongó, em terreno que mede 1.475m², todo murado, com área construída de 196,50m², contendo sala de estar, jantar, dois quartos, armários embutidos, suíte master, dois banheiros sociais, área de serviço, cozinha, ampla área de lazer com uma piscina, uma suíte, sauna, bar, avaliado por R$ 290 mil reais, sendo o lance inicial no leilão de R$ 116 mil reais. Entre a lista de bens ofertados no edital consta ainda um ônibus Diesel, Mercedes Benz, ano 97 modelo 98, em razoável estado de conservação, avaliado em R$ 70 mil reais com lance inicial de R$ 14 mil.


Em Patos

Em Patos a lista de bens oferta uma pequena propriedade rural, denominada Sitio Rio Volta, Data Caiçara dos Borges, no município de Passagem , com uma área total de 17,0 hectares, constante de um roçado de plantação, enraizado de algodão, cercada de ambos os lados, sendo a propriedade avaliada em R$ 50 mil reais e lance mínimo de R$20 mil. Outro item entre imóveis rurais e maquinários agrícolas são seiscentos e onze metros cúbicos de brita corrida tamanho 3/8, avaliado o total em R$ 27 mil, quatrocentos e noventa e cinco reais e com lance mínimo de R$ 5 mil quatrocentos e noventa e nove reais.


Débitos ainda podem ser quitados 

 O objetivo do Projeto Arrematar é promover o arremate dos bens pendentes e liquidar os processos da maneira mais rápida possível. A supervisora da Central de Mandados, juíza Tais Priscilla Ferreira da Cunha e Souza ressalta que mesmo antes do leilão iniciar os devedores ainda podem evitar que o bem vá a leilão. Para isso devem negociar suas dívidas na Central de Mandados. Para a Justiça Trabalhista o mais importante é que o processo seja resolvido e o trabalhador consiga receber o que já foi decidido. Mesmo ofertados no leilão os bens cujos proprietários negociam podem ser retirados da hasta pública. O leilão em João Pessoa será conduzido pelo leiloeiro oficial Alexandre Nunes.