Você está aqui: Página Inicial > Comunicação Social > Notícias > 2009 > 03 > Comitê busca unificação das rotinas e expedientes para agilizar processos

Comitê busca unificação das rotinas e expedientes para agilizar processos

Ações do documento

publicado: 04/03/2009 08h27 última modificação: 30/09/2016 10h19

O Tribunal Regional do Trabalho criou, através de Ato da Presidência, o Comitê Consultivo de Gestão Judiciária – Cojud. Terá como integrantes Juízes Titulares e Substitutos, Secretários e Diretores do Tribunal Regional do Trabalho, que terão a missão de apresentar sugestões para aprimoramento dos eventos do Regional e avaliar as rotinas e os expedientes burocráticos de trânsito processual adotados pelas unidades jurisdicionais de Primeira e Segunda Instâncias.

O objetivo é elaborar e encaminhar ao presidente do TRT, juiz Edvaldo de Andrade, sugestões para a otimização do trabalho. A criação do Comitê foi uma forma de adoção de meios que assegurem a celeridade na tramitação de processos. No Ato, o presidente considera que “a obtenção de condições mais favoráveis à célere tramitação processual depende, consideravelmente, da unificação das rotinas e expedientes”.

De acordo com o juiz Edvaldo de Andrade, os integrantes do Cojud desempenharão os encargos sem prejuízo do desempenho de seus trabalhos originários. O Comitê terá prazo de um ano para apresentar as conclusões de suas atribuições.

 

Compõem o Comitê Consultivo de Gestão Judiciária – Cojud, nos termos do art. 2º, do ATO TRT GP Nº 042/2009.

 

- Presidente da comissão: Roberta de Paiva Saldanha, Juíza Titular da 1ª Vara do Trabalho de Campina Grande.

 

- Juízes Substitutos Marcelo Wanderley Maia Paiva e Lindinaldo Silva Marinho,

 

- Servidores: Marcônio Albuquerque Madruga, Secretário Geral da Presidência,

Vladimir Azevedo de Mello, Secretário do Tribunal Pleno, Aryoswaldo José Brito Espínola, Secretário da Corregedoria, Maria Evanise Jurema Lima, Diretora da

Secretaria Judiciária, Carlos Frederico Rocha Pedrosa, Diretor do Serviço de

Expedição e Acompanhamento de Precatórios e Abílio de Sá Neto, Diretor de

Secretaria da 6ª Vara do Trabalho de João Pessoa.