Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Seção de Projetos Direitos Trabalhistas dos Adolescentes
MANUAIS DOS SISTEMAS

 

                                                                           

                                                                                    http://novoegestao.tst.jus.br/BOE/portal/1511191610/InfoView/common/appService.do?service=skinning&resource=img&img=img.login.banner.logo

                                 1º Grau

                                 2º Grau

Manual Basico

 

Manual do Descarte

Descarte

 Limpar e organizar…

é só começar!

 

Direitos Trabalhistas dos Adolescentes

  1. Escopo ou finalidade do projeto

Sensibilizar e orientar os Conselheiros Tutelares quanto aos direitos trabalhistas dos adolescentes, na conformidade do que dispõe a Lei 8.069/90 - ECA, através de palestras e/ou audiências públicas na Capital e em mais 10 Municípios sedes da Paraíba, com reflexos positivos na atuação dos órgãos e na proteção ao trabalho, para o segmento infanto juvenil.

Não faz parte do escopo do presente projeto a formação teórica e prática dos conselheiros tutelares.

 

  1. Alinhamento Estratégico

Objetivo Estratégico 5 - Intensificar os programas e disseminar a cultura de responsabilidade social e ambiental.

 

Objetivo Estratégico 11 – Fortalecer a imagem institucional do TRT/PB.

 

Objetivo Estratégico 12 – Ampliar parcerias com outras instituições.

 
  1. Clientes do projeto

  • Magistrados e servidores

  • Conselheiros Tutelares

  • População Infanto juvenil

  • Sociedade paraibana em geral

 

  1. Justificativa

O direito à profissionalização e à proteção no trabalho, para o adolescente, depende do conhecimento desses direitos, por parte dos Conselheiros Tutelares.

Contudo, a injustificável inobservância dos Gestores Públicos, quanto à indispensável formação técnica dos Conselheiros Tutelares, inviabiliza tal conhecimento aos referidos Órgãos, comprometendo, por consequência, a proteção desses direitos em todo o Estado da Paraíba.

Ora, se Conselheiros Tutelares não conhecem os direitos assegurados aos jovens, como poderiam zelar pelo seu cumprimento, conforme o art. 131 do ECA ?

 

  1. Gestor

Wilson Quirino da Silva

 

  1. Equipe

Gilvan Azevedo de Carvalho

Marisa Alves Martins Castanheira

Márcia Valério

Carla Regina Fiuza Lima

 

  1. Acompanhamento

TERMO DE ABERTURA

PAUTA DE REUNIÃO 001

ATA DE REUNIÃO 001

RELATÓRIO DE ENTREGA

Ações do documento

Capa book planejamento

« Outubro 2019 »
Outubro
DoSeTeQuQuSeSa
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031